Facebook, Instagram e WhatsApp ficam fora do ar no mundo todo

Atualizado: 1 de set.


A instabilidade teve início por volta do meio dia desta segunda-feira, sendo o assunto mais comentado em todo Brasil durante o dia.


O conglomerado do Facebook (Instagram e WhatsApp), passou por uma instabilidade e suas plataformas ficaram horas inacessíveis. Após investigarem o ocorrido, o Facebook fez um comunicado explicando o ocorrido.


A publicação com a explicação foi assinada por Santosh Janardhan, vice-presidente de infraestrutura da rede social. Segundo o executivo, o incidente afetou desde os serviços em si, incluindo o OculusVR, até as ferramentas internas utilizadas nas operações diárias da companhia. Em seguida, ele detalhou o motivo da indisponibilidade:

“Nossas equipes de engenharia descobriram que as alterações nas configurações dos roteadores de backbone que coordenam o tráfego de rede entre nossos data centers causaram problemas que interromperam essa comunicação. Essa interrupção no tráfego de rede teve um efeito cascata na maneira como nossos data centers se comunicam, interrompendo nossos serviços.”


Janardhan ainda ressaltou que não há evidências de que os dados dos usuários foram comprometidos. “Lamentamos o transtorno causado pela interrupção de hoje [4 de outubro] em nossas plataformas”, afirmou. “Nossos serviços estão novamente online e estamos trabalhando ativamente para devolvê-los totalmente às operações regulares.


A imensidão do problema acabou refletindo no bolso do CEO do Facebook: Mark Zuckerberg perdeu US$ 7 bilhões em três horas de colapso dos serviços. As ações da companhia também caíram devido ao incidente desta segunda-feira (4).